Manifestação dos funcionário no dia 23 aconteceu em frente à casa de saúde (Foto: Débora Kist/Folha do Mate)

Pauta das recentes notícias sobre o hospital, o atraso de salários dos funcionários deve se repetir, como aconteceu no último pagamento e em outros meses do ano. A folha de agosto, que deveria ter sido quitada no quinto dia útil de setembro, foi paga parcialmente dentro do prazo e outros 40% somente no dia 26, o que gerou um protesto de trabalhadores no dia 23. Para conseguir os R$ 400 mil que faltavam dos salários de 500 funcionários, o hospital utilizou recursos destinados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Às vésperas de um novo pagamento de folha, a projeção não é boa. “Integral não tem chance. Será parcial e precisamos pensar outros cortes mais urgentes de gastos e buscar mais um financiamento”, revelou o presidente do HSSM, Luciano Spies. De acordo com a informação dele, dessa forma, o salário de setembro não será depositado totalmente até o quinto dia útil de outubro.

ASSEMBLEIA

Com a possibilidade de novo atraso, o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Santa Cruz do Sul e Região (Sindisaúde), tende a convocar uma assembleia. “Esperamos que não seja necessário e que o hospital consiga fazer sua parte para que não haja outra frustração. Mas, se não, os trabalhadores irão querer deliberar sobre isso”, destacou o presidente do sindicato, José Carlos Haas. A reunião está prevista para o dia 9 de outubro.

LEIA MAIS: 

Funcionários do hospital protestam contra atraso de salários

Formada Comissão de Análise Econômica e Financeira do Hospital São Sebastião Mártir

1 comentário

  1. Querem fazer uma UTI PED., palhaçada isso. A população tem que se unir e tentar manter o que temos em boas condições, sem dúvida uma UTI para nossas crianças seria algo importante, mais vai se manter como? Pega esses 2 Milhões que temos para isso e tenta organizar as coisas, antes de começar a querer fazer coisas novas precisamos urgente arrumar o que temos aqui.
    A população precisa do hospital assim como seus funcionários precisam dos seus salários em dia.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome