Clássico Assoeva e agora Santa Cruz Futsal (ex-Assaf) irá movimentar a elite do salonismo Vale do Rio Pardo (foto: Roni Müller)

Na tarde do feriado de quinta-feira, 11, na sede da Federação Gaúcha de Futsal (FGFS), foram definidos os detalhes quanto a realização do Estadual Série Ouro 2020. Diante do recuo dos representantes de Parobé e Rosário do Sul, a competição está definida com dez equipes.

“Tivemos uma reunião semi presencial dos representantes de clubes para definirmos a competição. A Assoeva, através de Vianei Hammes e o BGF, com a presença do técnico Vaner Flores, estiveram na sede da Federação. Demais clubes participaram com seus devidos representantes através de uma plataforma virtual. Depois de bater o martelo na confirmação do Estadual, se debateu assuntos em torno de regulamento, composição de chaves, fórmula de disputa, início e demais questões regulamentares que envolvem a competição”, destaca o Diretor de Competições da FGFS, Bruno Barbosa.

Diante da composição de duas chaves de forma regionalizada, ficou definido que serão confrontos em ida e volta dentro de cada grupo. Se classificam os quatro melhores de cada. Na sequência tem as quartas de final com as equipes da Chave ‘A’ enfrentando os melhores da Chave ‘B’. Os quatro classificados à semifinal serão ranqueados para definir a última eliminatória antes de conhecer o campeão da temporada.

O Estadual de 2020 não terá rebaixamento e em relação ao Estadual Série Prata, os dois finalistas terão vaga assegurada na Série Ouro de 2021.

SEM ACESSO AO PÚBLICO

Bruno declarou que o Estadual será inicialmente realizado com portões fechados. “Recebemos no feriado uma informação governamental de que a princípio não haverá liberação de público nos ginásios em 2020 e com isso já adiantamos aos representantes de clubes que o Estadual assim será com portões fechados. Qualquer mudança somente perante uma flexibilidade por parte do governo estadual,” disse.

O Diretor comentou ainda que a FGFS estuda um mecanismo na busca por recursos para apresentar aos clubes diante dessa nova realidade.

Chave ‘A’

Assoeva Venâncio Aires

BGF Bento Gonçalves

Rabelo Alvorada

SER Canoense Canoas

Santa Cruz Futsal Santa Cruz

Chave ‘B’

AES Sobradinho

União Independente Santa Maria

UFSM Santa Maria

São José Cachoeira do Sul

Paulista Pelotas

 

Assoeva retoma as atividades na terça-feira

Não será mais na segunda, 15, e sim na terça-feira, 16, que a Assoeva/Unisc/ALM irá retomar as atividades presenciais. A mudança de data se deve ao fato da alteração de local para o ‘recomeço’ dos trabalhos.

A projeção era que as atividades seriam retomadas na segunda-feira, na Arena Coopeva. Na tarde desta sexta-feira, 12, o preparador físico do clube, Ricardo Vilasboas, confirmou que os trabalhos serão retomados na terça-feira, na parte da manhã, no ginásio Poliesportivo.

“Com o retorno das atividades para o ginásio do Parque do Chimarrão, nossa casa oficial, temos que tomar uma série de medidas preventivas. Começa pelo ginásio onde tudo deverá ser colocado em ordem pois de lá boa parte do material foi aproveitado e utilizado pelos atletas durante as atividades em casa. Tudo precisa ser colocado no seu devido lugar e ser higienizado. Além disso tem uma série de questões em relação a treinamento onde será inicialmente preponderante o distanciamento dos atletas”, disse o profissional.
Os atletas serão divididos em grupos e horários e além disso haverá um intervalo significativo entre as atividades da primeira para a segunda equipe.

Para retomar as atividades no Poliesportivo e como não devem ocupar os vestiários, a recomendação é que os atletas venham uniformizados de casa.
“Diariamente estamos trocando ideias quanto ao cronograma dos trabalhos. A organização nesse momento é essencial pois já existe uma movimentação em torno das competições para o segundo semestre. Em termos de data o Estadual tem início confirmado. A Liga Futsal se projeta também entre agosto e setembro. Serão dois meses para a nossa preparação”, acrescenta Vilasboas.

O técnico Guilhermo Verfe relata que na primeira semana as atividades serão em turno único. A partir do dia 22 a intensidade aumenta para dois turnos. “No começo será priorizada a parte física. Na medida do possível haverá alguma atividade tática para quando for liberado o treinamento coletivo, nossa parte física esteja estabilizada. A partir daí é focar no trabalho com bola”, disse Verfe.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome