Governo do Estado pode liberar retorno da cogestão a partir desta segunda-feira

-

Um documento foi apresentado aos empresários nesta terça-feira, 16, pelo governador do Estado, Eduardo Leite, solicitando novas medidas de Distanciamento Controlado ao Rio Grande do Sul, bem como, o retorno do plano de cogestão. O Governo do Estado pretende garantir a liberação, com o objetivo de dar autonomia aos prefeitos na tomada de decisões, principalmente quanto a adoção de medidas mais flexíveis para a abertura do comércio. As informações foram divulgadas ontem à noite, 16, pela Gaúcha ZH.

Os municípios que estiverem em bandeira preta, por exemplo, terão autonomia para adotar protocolos da bandeira vermelha, por meio do sistema do Distanciamento Controlado.

Entre as flexibilizações previstas está a de que, o comércio não essencial poderá abrir somente de 2ª a 6ª feira, até 20h (entrada até 19h); restaurantes, bares e lanchonetes poderão permanecer abertos até às 17h, (com entrada até às 16h) sem restrição de dias; hotéis e alojamentos, poderão funcionar com lotação máxima de 50% com Selo Turismo Responsável e 30% sem Selo Turismo Responsável, entre outras adequações, que estão sendo analisadas pelo governador Eduardo Leite.

Contudo, para que as medidas sejam adotadas deverão ser mantidos protocolos básicos para todas as atividades, entre eles, uso obrigatório e correto de máscara, cobrindo boca e nariz; distanciamento interpessoal; higienização das mãos e das superfícies de toque com álcool 70 ou similar, ventilação cruzada (janelas e portas abertas) e/ou sistema de renovação de ar.

Para retomar a cogestão, o Piratini estabelece como regra a renovação dos planos já encaminhados pelas associações regionais de municípios. Em Venâncio Aires, o prefeito Jarbas da Rosa, pretende aderir ao plano de congestão, podendo adotar medidas mais flexíveis que a bandeira final, mas não menos rígidas que a bandeira imediatamente inferior, conforme determinação do Governo do Estado.

Mudanças

O governo confirma que vai manter o fechamento de atividades das 20h às 5h até 30 de março. A novidade é que essa regra vai vigorar por mais tempo, mas nos finais de semana (sexta, sábado e domingo), durante todo o mês de abril.

LEIA MAIS:

notícias últimas Folha do Mate

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes