IFSul realiza consulta à comunidade para planejamento anual

-

Os venâncio-airense podem enviar sugestões para o Planejamento Anual (PA) do Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul). A consulta pública está aberta até a quarta-feira, 18, por meio de formulário eletrônico.

Para participar, é preciso informar qual é o vínculo com o campus: servidor, aluno, responsável por estudante ou outro (comunidade externa ou egresso). É possível sugerir ações para serem realizadas até o fim do ano, dentro dos 12 objetivos contemplados no Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), que traz objetivos a serem alcançados no longo prazo de cinco anos. O PDI 2020-2024 foi elaborado com a participação de toda a comunidade interna. Agora, a novidade é que a comunidade externa também fará parte dessa construção.

O diretor do IFSul de Venâncio, Geovane Griesang, reforça a importância da participação da comunidade. “Tudo o que pretende fazer precisa estar nesse planejamento. Com base nesses dados é que organizaremos as ações. É importante a participação pois o campus é da comunidade”, reforça.

Mesmo que não possam ser incluídas no PA de 2021 ou realizadas no curto prazo, as indicações ficarão registradas para que possam ser consideradas em planejamentos futuros. Normalmente o PA é feito no ano anterior, para ser executado no período de janeiro a dezembro do ano seguinte, porém, por adequação à realidade da instituição no contexto da pandemia, a elaboração está sendo feita atualmente para que a execução seja de agosto a dezembro de 2021.

Objetivos do PDI aos quais as ações devem ser vinculadas:

  • Ampliar o envolvimento do IFSul com a comunidade de abrangência;

  • Garantir condições de permanência e êxito de estudantes;

  • Promover a inclusão no processo formativo;

  • Potencializar a comunicação institucional;

  • Desenvolver os processos de planejamento institucional com foco na permanência e êxito de estudantes;

  • Desenvolver os processos de ensino e de aprendizagem de maneira participativa;

  • Adequar a instituição para as demandas inclusivas;

  • Garantir condições para a participação estudantil nos processos de planejamento, desenvolvimento e avaliação da instituição;

  • Otimizar os processos organizacionais;

  • Qualificar a infraestrutura de tecnologia da informação;

  • Desenvolver as servidoras e dos servidores para a implementação da estratégia organizacional;

  • Consolidar a infraestrutura da instituição.

LEIA MAIS:

Inscrições abertas para o projeto Informática na Melhor Idade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes