Mutirão contra a dengue passará por bairros do município no sábado

-

Neste sábado, 8, um mutirão organizado pelo equipe da Vigilância Sanitária do município passará pelos principais bairros que já tiveram casos positivados de dengue. Com crescimento rápido no número de casos da doença em Venâncio Aires, a ação visa procurar novos focos do mosquito transmissor Aedes aegypti e repassar orientações para as pessoas.

Conforme explica o coordenador da Vigilância Sanitária e Ambiental do município, Gabriel Alves, o objetivo é conseguir realizar a visitação em casas que durante a semana ficam fechadas e fiscalizar possíveis locais que possam ser focos de proliferação do mosquito. “É importante que os moradores abram suas casas para os servidores que estarão identificados, eles vão ajudar as famílias com o reconhecimento de pontos que possam propiciar a reprodução do mosquito transmissor”, explica.

A intenção, segundo Alves é priorizar a visitação nos bairros União, Centro, Aviação e Cidade Nova, locais que já tiveram moradores positivados para a dengue. Como secundários ficam os bairros Macedo, Brígida, Cidade Alta, Coronel Brito, Gressler e Bela Vista. “Caso tenhamos tempo ainda no sábado, também vamos visitar estes bairros secundários, que ainda não tiveram casos, mas devido a alta infestação do mosquito, já queremos dar uma atenção”, afirma.

Também no sábado, um caminhão da Secretaria Municipal do Meio Ambiente estará acompanhando a equipe para recolhimento de resíduos sólidos que possam acumular água. Alves enfatiza que não serão recolhidos entulhos, restos de obras, galhos e móveis.
Caso o tempo seja de chuva no sábado, o mutirão será cancelado e organizado para o próximo sábado, 15 de maio. “Queremos fazer pelo menos um mutirão todos os meses daqui para frente”, completa.

Casos de dengue

Conforme informações Vigilância Epidemiológica, até esta quarta-feira, 5, o município contabiliza 25 casos confirmados de dengue neste ano e um paciente segue com atendimento no Hospital São Sebastião Mártir (HSSM). O setor já registrou 64 notificações, das quais 34 foram negativadas e cinco estão em análise.

LEIA MAIS:

notícias saúde Folha do Mate

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes