Vacina da gripe é liberada para novos grupos prioritários

-

A campanha de vacinação contra a gripe contempla, desde ontem, novos grupos prioritários. Desta vez, idosos acima de 60 anos, puérperas (mulheres até 45 dias após o nascimento dos filhos), trabalhadores da área da saúde, professores, presidiários, funcionários do sistema prisional e portadores de doenças crônicas podem ser imunizados nas unidades de saúde do município.

Segundo a enfermeira coordenadora do setor de imunizações, Carla Lili Müller, um ofício foi enviado aos municípios pelo Ministério da Saúde e, pela primeira vez neste ano, serão imunizados profissionais de forças de segurança. O grupo inclui policiais civis, militares, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas.

No primeiro dia de vacinação para os demais grupos, somente no Posto Central foram aplicadas 401 doses em idosos. “Tivemos uma procura muito grande hoje (ontem), o que é normal nos primeiros dias da liberação das doses”, afirma Carla.

A campanha de vacinação começou no dia 10 de abril para gestantes e crianças de seis meses a 5 anos e 11 meses. Na primeira semana de imunização, 499 crianças e 75 gestantes foram vacinadas. A imunização contra a gripe será feita até o dia 31 de maio nas unidades de saúde. A meta é vacinar 90% do público-alvo (22.424 pessoas, sem levar em consideração os profissionais das forças de segurança).

ATENDIMENTO
Todas as salas de vacina têm o mesmo horário de atendimento durante a campanha, segunda a sexta-feira, das 7h30min às 11h e das 13h15min às 16h30min. É necessária a apresentação de um documento de identificação e a carteira de vacinação. No Posto Central, a sala de vacinas principal atende somente crianças, enquanto que um outro espaço anexo ao posto será para os demais grupos prioritários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes