As inspirações para os trajes das soberanas da Festa do Colono de Mato Leitão

-

No sábado, 14, as soberanas da 26ª Festa Municipal do Colono Imigrante, a Garota Imigrante, Andiara Taís Heisler e as princesas Cibele Luisa Theisen, Eduarda Micaelly Hickmann, Fabiane Beatriz Scheibler e Taís Eduarda Uhlmann dos Santos, estrearam os trajes oficiais que usarão na divulgação e nos dias da festa.

Os vestidos foram criados e confeccionados por Aline Schmitt, 36 anos, do Atelier da Costura, de Venâncio Aires. De acordo com ela, os trajes foram inspirados na essência da festa, que homenageia o colono imigrante. “Os tons foram escolhidos baseado nas cores de Mato Leitão, fazendo uma ligação entre a história da colonização e as referências do município”, explica.

Aline, que é natural de Mato Leitão e cuja família mora na Cidade das Orquídeas, conta que o processo de criação e confecção dos vestidos envolveu várias etapas, desde a escolha dos modelos, seleção dos tecidos mais adequados até a confecção do traje. “Neste processo estivemos envolvidas por aproximadamente 45 dias”, acrescenta.

“Os vestidos foram produzidos com muito carinho, foram escolhidos tecidos rendas e materiais de qualidade para entregar um traje perfeito para festa em homenagem ao colono imigrante.”

As costureiras Silvane de Moura e Claudia da Rosa, que trabalham no Atelier da Costura, também atuaram na confecção dos cinco vestidos. Aline já produziu os trajes sociais das soberanas da última edição da Festa das Orquídeas e da corte da Festa do Colono Imigrante.

LEIA MAIS: Organização divulga primeiras atrações da Festa do Colono de Mato Leitão

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes