Trevo florido para a Fenachim

Além do Parque Municipal do Chimarrão, a cidade também ganha uma atenção especial para a 16ª Festa Nacional do Chimarrão (Fenachim), que começa no dia 5 de maio. No feriado de Tiradentes, o trevo de acesso principal ao município, na RSC-287, recebeu o plantio de novas flores, garantindo um toque especial nas boas-vindas aos visitantes. Além disso, as esquinas da rua principal, a Osvaldo Aranha, recebeu vasos com flores. Neste sábado, 23, serão instaladas bandeirolas no Acesso Dona Leopoldina, também em preparação à festa.

A falta de pediatras

A falta de pediatras não é uma demanda de hoje, nem mesmo um problema exclusivo de Venâncio Aires. A mudança de temperatura e o aumento de casos de complicações respiratórias deixaram essa lacuna ainda mais evidente. Unidades públicas e consultórios privados estão lotados. Em entrevista ao programa Terra em Uma Hora, da Terra FM, nesta semana, o prefeito Jarbas da Rosa falou da carência de profissionais desta área em todo país. Segundo ele, há uma desvalorização no mercado que levou a uma redução drástica na formação de novos pediatras, nos últimos 15 anos. “Hoje temos uma escassez destes profissionais no mercado”, lamentou.
O encolhimento de rede pediátrica, que inclusive já foi pauta de reportagem na Folha do Mate, é um tema importante a ser debatido pela classe médica, pelos gestores públicos, pelas entidades que representam os pediatras e pelas universidades, que formam novos médicos.

Fenachim não exigirá passaporte vacinal e o uso de máscara

Em nota divulgada nessa sexta-feira, 22, a organização da 16ª Festa Nacional do Chimarrão (Fenachim) informou que não exigirá passaporte vacinal para acesso ao Parque Municipal do Chimarrão, bem como, não será obrigatório o uso de máscara no local. Segundo a comissão organizadora, a medida vale tanto para visitantes quanto para expositores, e foi baseada nos protocolos de liberação de eventos do decreto estadual do Rio Grande do Sul, que por sua vez, consideram o novo estágio da pandemia de Covid-19, com o baixo nível de contaminação.
A festa ainda informa que durante a Fenachim, que inicia no dia 5 de maio, haverá “álcool em gel e higiene especial para compartilhar chimarrão com segurança e alegria”, diz a nota encaminhada à imprensa. Esta é a Fenachim da retomada, evento que volta a movimentar Venâncio Aires, depois de três anos.

Está dito!

“O chimarrão e revista Descubra Venâncio – Especial Fenachim já estão na mala para as agendas oficiais em Brasília. Seria uma honra receber o presidente da República ou vice, que é gaúcho, na Fenachim.” JARBAS DA ROSA – Prefeito de Venâncio Aires sobre a agenda em Brasília, na próxima semana.

Brasília – Uma comitiva da Festa Nacional do Chimarrão embarca na segunda-feira, 25, para Brasília, onde cumprirá agenda até quarta-feira.

Madrugada – A ervateira Madrugada completou 80 anos nesta semana. Parabéns, Madrugada, empresa que divulga há oito décadas a cultura gaúcha e o nome de Venâncio Aires por todos os cantos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques