Um basta para o esgoto a céu aberto em Estância Nova

Na tarde de ontem recebi na Folha do Mate o casal Elui Cardoso e Oracélia Soares Leite Cardoso. Moradores de Vila Estância Nova, os ‘vizinhos’ da Penitenciária Estadual de Venâncio Aires (Peva) estão cansados de esperar por uma solução para o esgoto a céu aberto. Os dejetos que saem da Penitenciária percorrem a área em torno da Peva e geram um “cheiro insuportável”, lamenta Elui. “Sem contar os mosquitos”, acrescenta Oracélia.

Ontem à tarde, o casal entregou no Ministério Público um cartaz com um levantamento fotográfico feito pelo próprio Elui. O material foi recebido pelo promotor Fernando Buttini.

A ideia, segundo o casal Cardoso, é buscar apoio do MP para que uma solução seja cobrada das autoridades responsáveis. “O esgoto passa a 30 metros da nossa casa, mas afeta diversos moradores e até os negócios”, observa. Os moradores querem agendar uma audiência com a Promotoria para tratar do assunto que é de saúde pública e um risco ao meio ambiente.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome